Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Obaldoui

Onde se fabrica o pensamento

Obaldoui

23
Set18

Violar com jeitinho não ofende nem magoa ninguém

O Tribunal da Relação do Porto considerou a violação de uma mulher inconsciente de “ilicitude baixa” pois a culpa dos arguidos situava-se na “mediana” e, por isso, condenou os dois homens somente a pena suspensa. No fundo, o que estes juízes querem dizer é que violar com jeitinho não ofende nem magoa ninguém.

...

Encontrar uma mulher desmaiada na casa de banho e, em vez de a ajudar, decidir violá-la é um comportamento de animal necrófago como a hiena. Não consigo perceber, até porque toda a gente sabe que as pessoas inconscientes são tão más na cama como uma boneca insuflável. 

...

Se a pena de violação ascendesse aos 25 anos, estes dois trogloditas já tinham ido bater com os costados na choldra pelo menos dez anos, anos esses em que seriam violados no duche sempre com “ilicitude baixa” já que nos duches da prisão há um “ambiente de sedução mútua” pois apanham os sabonetes de uma forma de quem está mesmo a pedi-las e a provocar.

...

A decisão em si não será machista, mas o pensamento na cabeça de muitos juízes parece ser ainda do “ela estava a provocar”. São juízes que fazem pouco sexo e que, por isso, ficam excitados com mulheres inconscientes em casas de banho públicas. Cada um tem as suas taras, é pena é trazerem as suas frustrações pessoais para os tribunais. 

Guilherme Duarte in Sapo 24

O que procuras?

Sigam-me

Debaixo da asa

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.